domingo, 19 de agosto de 2007

Hamurabi neles!


Em julho, o Quarterback do Atlanta Falcons, Michael Vick, um dos mais conhecidos jogadores da liga de Futebol Americano dos Estados Unidos, foi indiciado poe promover rinhas de cães em sua casa. Em abril, foram caputurados mais de 50 pitbulls, um "curral", onde o cruzamento entre os animais era forçado,além de muita parafernalha pra treinar os cães, tudo na propriedade dele.

Aí que uma empresa de brinquedos resolveu fazer uma vingança e produziu bonecos do Vick pra brinquedo de cães, vendidos a US$13,00.
Segue a imagem do boneco:

A empresa garante que todo lucro que obtiver com a venda desse boneco, será revertido pra entidades que preservam animais com mal tratos, feridos e abandonados.


Imagina se a moda pega no Brasil. Já tenho o projeto do primeiro "boneco da vingança" a ser lançado aqui. Pode ser dado para autônomos, profissionais liberais, professores, classe trabalhadora, classe média (que está se tornando baixa), pessoas que procuram primeiro emprego, entre outros.

Entre os usos temos: deixar esquecido num canto e dar atenção à outros bonecos mais próximos. Tropeçar nele e fingir que não vimos. Cometer gafes bizonhas na frente dos outros bonequinhos e dizer que é dono dele e representa ele.
Ele até fala, mas têm vocabulário limitado, mas não adianta ensinar pois a tecnologia ainda não conseguiu construir algo superior
Aqui, a imagem do protótipo:




O projeto já foi vendido pra uma fabricante nacional de brinquedos, que também solicitou um projetinho de um Tucano, animal que a população aprendeu a não simpatizar muito...


Colabore! Dê sua sugestão de uso para o Boneco!

Update:
E não, não será da Mattel.