segunda-feira, 29 de outubro de 2007

Personagem da semana - 10ª edição

Monstro ou "herói"?

Hoje faria 110 anos de vida um dos maiores ícones do Nationalsozialistische Deutsche Arbeiterpartei. Hein? O Partido Nazista.
"Wow! Nazismo! Que maluco citar essa palavra, vai ser preso!"
É um tema delicado, não?
Porém muito interessante:
Não estou falando do líder deles, mas sim de Joseph Goebbels. Ele foi o Ministro da Propaganda Nazista, o Propagandaministerium. Sabe aquela imagem que o nazismo tem? Que até hoje reflete quando pensamos sobre o horror que foi, e a imagem militar, organizada? Então, foi ele o homem por trás da imagem do monstro nazista Hitler.

Aí você pensa: O nazismo foi uma porra do caralho, como pode o cara ser um herói? Aí que está, publicitariamente falando, o cara foi incrível! Fez jornais, criou o "Heil Hitler", fez a população germânica apoiar o idealismo nazista, juntou um exército de soldados que foram seduzidos pelo paradigma nazista, fez com Veit Harlan um filme anti-semita que rendeu muita repercussão, um filme que historicamente falando, desencadeou vários crimes cometidos pelo nazi e o SS, trabalhou a imagem nazista para Hitler assumir o poder e construiu a "marca" que atravessou o mundo todo e mais MUITA COISA.

O cara foi bom ou não foi? Pro programa nazista, foi incrível! Um baita publicitário, conseguiu fazer muito mais do que precisava. Um exemplo? Talvez. Não pelos atos, mas... pelos atos? Fez atrocidades, mas internamente fez um belo trabalho. Ruim? Pro mundo sim. Pra eles, não.
Ele foi, se não, o melhor publicitário do mundo, uma pessoa realmente interessante de estudar. Mas assusta ler o que eles fizeram. Morreu aos 47 anos, num ato suicida.

Vale a sugestão ver quem foi ele, às vezes é interessante lermos sobre esses anti-heróis.


Naturalmente, o PdB não apóia qualquer ato relacionado à politica deles. Esse texto serve apenas para ilustrar um dos mentores de uma das maiores tiranias já cometidas pelo ser humano. E Jesse Owens ruleia.