segunda-feira, 26 de novembro de 2007

Personagem da semana - 14ª edição

E o dessa semana é um mestre. Nos jogos olímpicos de 2000 em Sydney, nem faz tanto tempo, sua memória ainda deve lembrar, um negão roubou a cena. Também conhecido como The Eel (A Enguia), Eric Moussambani foi um nadador que fez história.
Para incentivar esportes em países pobres e em desenvolvimento, o Comitê Olímpico recrutou atletas de vários países para participarem dos jogos. Eric "The Eel" Moussambani foi convidado para participar dos 100m nado livre, junto com as estrelas da natação, e foi o único representante da Guiné Equatorial, nos jogos. Guiné Equatorial? Esse país aqui, na África:


É menor que o Distrito Federal!




Na cabeça de Eric, era tudo novidade: Ele nunca tinha visto uma piscina de 50m e só tinha treinado oito meses antes da prova. O recorde mundial é do holandês Pieter van den Hoogenband, com 47,84 segundos. Eric fez em 1:52,72. Com esse tempo, dava pra bater o recorde mundial dos duzentos metros com muita sobra. Moussambani chegou ao final da prova com a multidão gritando e aplaudindo, ao assistir aquele nado peculiar e único do atleta, apelidado pelos caras da Globo de "mata-leão". Assista o vídeo e repare o jeito dele bater as pernas. E os outros dois que conseguiram ser desqualificados. Um pulou e o outro foi junto HAHA, só o Super-Eric ficou. Diz ele que nos 15m finais, não aguentava mais,vide vídeo. E a narração dos franceses quase tendo um colapso de tanto rir?




Hilário.