quinta-feira, 27 de março de 2008

teste cego o caralho.

Abra sua cerveja preferida e acompanhe esse post:


Eu não gostava de cerveja quando tinha meus 16 anos. Achava amargo e ruim. Natural, tinha bebido uma cerveja vagabunda que fez eu ficar um bom tempo sem beber outra. Até que quando conheci o verdadeiro sabor de uma boa cerveja, me dei conta que não apreciar uma cervejinha no fim de semana, (não pra embebedar, nem pelo álcool, mas pelo sabor), é coisa de biba. (oi, dookie)

Acho que todo mundo já teve disso. Peguei uma grana e comprei no mercado uma long neck de cada uma dessas cervejas daqui, pra fazer minha avaliação. Não fiz cego nem nada, eu confio em mim mesmo e tentei ser justo ao apreciar o sabor delas. Entre uma cerveja e outra, tomei um gole de café, pra quebrar o sabor.



KAISER
Se formos comprar valor no mercado com o sabor, faz jus. É tão ruim quanto barata. Prefiro beber água que beber uma Kaiser. Fizeram o teste cego para provar que o "ruim" era uma anti-propaganda e não o sabor. Foi um desastre, realmente foi considerada uma das piores. Faça ele você mesmo e comprove. Melhor: nem faça. Dou um pudim pra ela na minha avaliação final, de 1 a 5.

Preço da lata de 355ml: R$1,20
Avaliação: (totalmente reprovada)





BRAHMA
É uma cerveja Pilsen que faz parte da AmBev. Era pra ter a marca fundida com a Antartica, mas pelas características únicas, acabou se mantendo. Das cervejas populares, é uma das que encabeçam a lista pois tem o sabor moderado (nem forte nem fraco) que pode não agradar na totalidade a todos, mas serve de quebra-galho na falta de uma top.

Preço da lata de 355ml: R$1,40
Avaliação: (aprovada, para condições de carência de grana ou opção pra comprar algo melhor)




SKOL
Também é uma cerveja Pilsen que faz parte da AmBev. É a cerveja mais vendida e preferida do Brasil, além de ser a que mais investe em publicidade (não é coincidência ser a mais vendida). Tem variantes como a Skol Beats, Lemmon e outras, buscando atingir todo o tipo de público jovem. Usa no slogan "A cerveja que desce redondo". Entendi porque. É suave e aguada. Fraca e ainda deixa um gosto ruim na boca por um bom tempo.

Preço da lata de 355ml: R$1,45
Avaliação: (aprovada, dá pra beber caso não tiver nada melhor.)


BUDWEISER
Ah, a Budweiser... Tem um sabor mais forte, encorpado e característico, diferente do que estamos tendenciados a beber. Só vi vender ela em long neck e latinha, não vejo a hora de vê-la em garrafas. Cada gole é um prazer. Diferente das cervejas que estamos acostumados, é uma cerveja DRAFT e não PILSEN. Isso caracteriza uma cerveja mais filtrada, não fermentada, com menor amargor e sabor mais aprimorado.

Preço da lata de 355ml: R$2,50
Avaliação: (troco qualquer cerveja por uma Bud. Só que é cara pra caralho.)



ANTARCTICA
Óbvio que uma cerveja com logotipo azul e brasileira é um mal presságio. É aquela cerveja que tem em qualquer boteco vagabundo. E no outro dia dá aquela dor de cabeça. Ao tomar, dá vontade de pegar um saleiro ou açucareiro e jogar dentro do copo, porque parece que está faltando alguma coisa, tipo Coca-Cola sem gás. Me lembrou a Skol. BOA? Boa é a Juliana Paes. Não confundam com a cerveja.

Preço da lata de 355ml: R$1,40
Avaliação: (beberia somente em casos extremos.)




POLAR
Essa é pouquíssimo conhecida. É vendida apenas no Rio Grande do Sul e tem forte campanha para não ser vendida em outros estados, na qual foi aceita pela marca, que agora faz campanha vangloriando o RS de ser o único a vender Polar. Pudera, é uma cerveja clara e saborosa, com sabor "al dente", aroma e sabor suaves. Diria que é no ponto. Tem preço acessível e vale cada centavo.

Preço da lata de 350ml: R$1,50
Avaliação: (Ótimo sabor e barata. Compro sem hesitar. A não ser quando quero dar um luxo e tomar uma Budweiser)


ITAIPAVA
Ao contrário da Polar, não é vendida aqui no Rio Grande do Sul. Mas como previa esse meu teste, lá no Rio de Janeiro comprei um pack de latinhas pra tomar por aqui. Tem o sabor muito semelhante à Polar! Leve e adocicado, não fiquei de porre quando bebi o resto do pack, não me deu dor de cabeça e desceu muito bem. É usada referência por ser produzida com a "água de Petrópolis". Aprovadíssima.

Preço da lata de 350ml: esqueci quanto paguei
Avaliação: (Daria 4 pudins, mas dou 2 e meio porque não é vendida aqui no RS. Só por isso.)


BAVARIA
Deus-me-livre. É a "melhor das piores", mas não entenda isso como um elogio.

Preço da lata de 350ml: R$1,40
Avaliação: (Só bebo essa coisa se existir apenas ela, Nova Schin e a Kaiser no mundo.)




BOHEMIA
A Bohemia é sustentada por ser a mais antiga do Brasil e ser muito bem falada por todo mundo. Vejo todo mundo falar "uuuu, Boeeemiaaa", e realmente faz jus. Não está no meu Top5, mas é bom demais poder beber essa cerveja. Ela tem um valor agregado à marca, por isso se dá ao luxo de vender mais por preço mais elevado.

Preço da lata de 350ml: R$1,85
Avaliação: (Ótima. Mas pelo custo/benefício, bebo uma Polar que é mais barata e tem o sabor tão bom como dela.)



HEINEKEN
Podem me xingar. Mas essa cerveja holandesa parece mijo. É extremamente AMARGA e tem cheiro BEM característico. Logo que cheirei ela, me deu uma estranha vontade de vomitar. Mas, diferente da Kaiser, tem gente que gosta.

Preço da lata de 350ml: R$2,00
Avaliação: (Daria zero, pelo meu paladar. Mas conheço muita gente que adora, por isso dei um 2,5.)


BRAHMA EXTRA
Me lembrou a Brahma comum, só que mais gostosa. Tem o sabor mais marcante e ao engolir, dá uma sensação agradável do amargo. É uma daquelas cervejas que bebemos pra apreciar o sabor. Muito boa!


Preço da lata de 350ml: R$1,95
Avaliação: (Vale cada gole. O preço é elevado, mas por uma Brahma Extra, não vou ficar mendigando alguns míseros centavos.)



NOVA SCHIN
A propaganda fez todo mundo experimentar. E depois anotar em nunca mais beber essa porra. Sabor estranho, fraco e ruim. Coloco junto com a Kaiser as duas piores dessa lista. É como a Spyker da Fórmula 1 ano passado.


Preço da lata de 350ml: R$1,40
Avaliação: (Se foder.)


MILLER
Outra cerveja Draft, principal concorrente da Budweiser. É ótima para matar a sede, não é tão amarga, mas tem o sabor mais forte e encorpado. Adoro.


Preço da lata de 350ml: R$2,00
Avaliação: (É como a Brahma Extra, só que em vez de Pilsen, é uma Draft.)




SERRAMALTE
Forte. É uma cerveja extra, tem o sabor mais incorpado e maior nível de álcool. Ma snão pense que é daquelas de beber um copo e parar por ser assim. Acho ela muito saborosa e agradável. Mas não é daquelas de sair bebendo uma caixa.


Preço da lata de 350ml: Não encontrei, comprei uma de 600ml.
Avaliação: (É boa, dá pra tomar sem problemas.)


SOL
Cerveja mexicana bem fraquinha, mas que eu consigo tomar sem problemas, aspesar de ser aguada pra caralho. Tem o sabor leve, que dá pra reconhecer os sabores da cerveja. Em casas especializadas, é servida junto com limão. Aprovei a sugestão, mas nunca arrisquei por limão em outras nem tomar ela sem. Por ser BEM suave e refrescante, talvez ela tenha essa peculiaridade de ficar boa com a fruta.


Preço da lata de 350ml: R$1,40
Avaliação: (Numa tarde de calor, cai muito bem.)


STELLA ARTOIS
Mais difícil que pronunciar corretamente o nome dessa cerveja belga, é aprovar o paladar. Não é nem Pilsen nem Draft. É do tipo LAGER, fabricada apenas em baixas temperaturas, para cultivo das leveduras. É daquelas que podem ficar armazenadas por um bom tempo, para aguçar o sabor. Tomei gelada e quase morri. Porém, por ser de regiões geladas, lá, costumam beber ela em temperatura ambiente. Quando o inverno chegar, irei testá-la bebendo assim. Sei que de tão clara, levou o nome de Stella (estrela em latim).

Preço da lata de 350ml: R$2,80
Avaliação: (Achei horrível, mas só pela peculiaridade, juro que acho que ela tem um "charme".)


ORIGINAL
Juro que não sei como falar dessa cerveja. Acho ela boa, o verdadeireo sabor da "cerveja", sem isso a mais ou isso a menos. É simplismente.... cerveja.

Preço da lata de 350ml: só achei em garrafa
Avaliação: (Ótima, vale cada gole.)



Chega, falei das mais vendidas do mercado.
Pra recapitular, meu ranking ficou assim:

01º lugar: Budweiser, tipo Draft
02º lugar: Brahma Extra, tipo Pilsen
03º lugar: Miller, tipo Draft
04º lugar: Polar, tipo Pilsen. Coloco a Itaipava empatada com ela.
05º lugar: Original, tipo Pilsen


Achei legal, pois quebrei aquele preconceito que eu tinha de seeempre beber as mesmas cervejas e não dar oportunidade pra outras. Descobri que a Serramalte é ótima e a Stella Artois é um cu.

Bom... se tu realmente abriu uma cerveja pra acompanhar esse post e foi bebendo e lendo a matéria, deve setar bêbado, pois é gigante. Desculpem o excesso de texto.

Agora comente, qual é o teu Top 5?
Se possível, lá na comunidade do orkut, o muralzinho será deletado em breve.