quarta-feira, 4 de junho de 2008

Piada de português.

(ler esse post com sotaque de português de portugal)

Estava estudando uns símbolos hoje a tarde, e caí numa engraçada confusão centenária, que eu não sabia e aposto que muita gente também não sabe.


Desde a sua fundação, o Clube de Regatas Vasco da Gama tinha por objectivo homenagear o navegador luso. Assim, o logótipo do clube acabou se compondo por uma caravela portuguesa, tal como o nome do mesmo.

No hino, se exalta: "A cruz de malta é meu pendão".
Sim, o navegador utilizava a cruz de malta nas velas das caravelas. Porém, a cruz de malta... não tem NADA com a que o clube brasileiro ostenta como escudo. Seja um mal entendido que acabou sendo passado a frente, ou algum burro que desenhou o primeiro logótipo, de o 1903, que acabou trocando as coisas, actualmente a torcida do Vasco como todo o Brasil reconhece aquele símbolo como "a cruz de malta", que na verdade, se chama "cruz pátea".

O símbolo do Vasco, esse a Cruz Pátea:



E a verdadeira Cruz de Malta:




Sinceramente?
A cruz que usam hoje é esteticamente muito mais bonita que a cruz de malta real. E é um dos poucos clubes que utilizam a técnica de usar logótipos alternativos, muito bom para identificação de marca com torcida e mídia. Mas tem nome errado.

Enfim, esse foi um post dedicado aos meus amigos cruzpateanos cruzmaltinos, terceiro maior clube do Brasil (segundo a CBF, atrás do líder Grêmio e do vice-lider Corinthians) que certos ou errados, não vão mudar a alcunha do clube por um erro histórico. Digamos que o culpado foi um... português. Mas fica o post pela cultura inútil. Se um dia precisarem, já sabem o que é uma cruz pátea e uma cruz de malta. E se precisarem, avisem. Porque vou querer saber por que diabos estão querendo saber o que é um cruz pátea.