terça-feira, 12 de agosto de 2008

Os Injustiçados

Nessa edição, os Jogos Olímpicos contam com 35 esportes, categorizados em 53 disciplinas (geralmente o que separa de masculino e feminino, classes de vela, pesos em arte marciais, esportes aquáticos, etc). Já na edição de Londres'2012, estão catalogados, por enquanto, apenas 33 esportes. Por quê? O COI resolveu retirar da próxima edição o baseball e o softball. Sim, esportes poucos difundidos no Brasil, mas paixão nacional de dezenas de países latinos e dos poderosos Estados Unidos e Japão. Com isso se abrirá uma janela para a inclusão de mais dois esportes para a edição inglesa, que já estão sendo estudados. Porém, essa exclusão causará o afastamento de 16 seleções e mais de 300 atletas para os próximos jogos. Esses são o 14º e 15º esportes excluídos do programa.

Porém, existem esportes muito mais populares que o softball que não têm chances olímpicas!
Vejam só, o Rugby, que está dentro dos cinco esportes mais populares do mundo, não está no programa. E o nosso Futebol de Salão?

Inúmeros esportes MUITO populares dentro de países são excluídos do programa olímpico por diversos motivos, seja falta de popularidade no exterior (futsal, por exemplo) ou com poucos comitês nacionais, como o futebol de areia. Já o pobre rugby não tem motivos aparentes, além de de Pierre de Coubertin alegar em 1920 que o esporte era muito violento (oi, pessoas saindo de maca de artes marciais e levantamento de peso) e pelas diversas associações do esporte pelo mundo.

Com essas duas vagas quem entra? Vários esportes já foram exibidos em jogos como demonstração, ou seja: não valiam "nada." Estavam lá para serem apresentados ao mundo, assim buscando audiência e apreciação de quem os assistem. Dentro deles já tivemos:

Pelota Basca, um esporte quase que exclusivamente espanhol;
Golf, um dos injustiçados;
Lacrosse;
Polo;
Rugby.

Sucesso?
Alguns tiveram. O Tênis, o taekowndo e o próprio basquete já foram esportes demonstrativos e hoje estão sólidos no programa olímpico.

Mesmo não estando no programa, o COI reconhece OFICIALMENTE alguns esportes. Alguns são:

Bilhar (já pensou torneio de bilhar?);
Boliche (esse, tivemos de demonstração no Pan do ano passado!);
Cricket (muito popular nos países de colonização britânica);
Golf (ó o golf aí);
Montanhismo (valeu, Rodrigo!) (deve ser interessante assistir);
Karate (uma, de muitas artes marciais);
Squash (tênis de parede);
Rugby Sevens (só sete jogadores em vez de quinze cada lado);

e alguns mais "bizarros" para termos nas olimpíadas:
Bridge (jogo de baralho mais popular do mundo);
Salva-vidas (?????);
Cabo de guerra (INCRÍVEL! antigo esporte olímpico, já pensou ter isso nas Olimpíadas?);
Xadrez (jogar é bom,mas imagine assistir uma partida);
Dança de salão (Robson Caetano já!).
(e nada de futsal)


Por não serem reconhecidos, existe o "WORLD GAMES" que é um evento paralelo ao olímpico, que ampara os esportes não incluídos nos olímpicos, aí tem bilhar, frisbee, roller, sumô e vários outros. A próxima edição será em 2009 em Taiwan e terá cerca de 5.000 atletas. Cada esporte que entra nas olimpíadas é excluido dos World Games.



Isso não quer dizer que necessariamente vamos ter esses esportes reconhecidos em próximos jogos, mas por serem reconhecidos pelo comitê, indica que podem entrar no programa.


E quem serão os dois que talvez entrarão em 2012, porra?
Até o momento, os mais indicados são:
Correndo na frente, o Cricket e o Montanhismo (montanhismo? SIM! O Comitê gostou da idéia de por esportes mais jovens/radicais no programa, após o sucesso do vôlei de areia com música, mulheres semi-nuas e clima de festa).

Por fora, correm Golf, Rugby e Karatê.

Dentro desses cinco, torço para o Rugby e Montanhismo.


Vamos aguardar. Por enquanto, curtir os atuais.
Se eu não trabalhasse, certamente meu fuso horário seria o de Pequim.



*Errata: Diferente do que escrevi anteriormente, o esporte é o MONTANHISMO, com a Escalada Esportiva, e não Alpinismo que remete a escalada em montanhas mesmo, nada a ver com o esporte olímpico. Obrigado, Rodigo Genja!