segunda-feira, 20 de outubro de 2008

PdB no inimigo

Essa sacanagem é um tanto pesada, mas se for feita com cuidado, pode ter um resultado engraçado. Vamos à brincadeira: Tem uma pessoa que você não gosta, que aprontou uma pra você e está muito afim de se vingar? Separe o material, pois aqui está o PdB no inimigo:



Você pode ser criativo: O que é mais que necessário são as velas, (dê preferência para vermelhas e pretas) a fotografia da vítima (imprima alguma foto do orkut), giz ou qualquer coisa pra escrever no chão e fitinhas. Cachaça, um frango, papel com o que ele fez de mal escrito, enfim: o que você quiser!



PASSO ÚNICO:





Na porta da casa da vítima, desenhe símbolos no chão, acenda velas. Coloque a foto do cara BEM visível, e ponha todos apetrechos arrumados ao redor. Quanto mais "vingativo" for o ar, melhor. Um sangue falso vai bem, aqui tem umas receitas. Depois de preparar bem o negócio amedrontador, toque a campainha várias vezes e suma. Se for uma de dispositivo eletrônico (aquela que fica péééé até você soltar o botão), cole ela com uma fita (mas nada de super bonder, pois vai desviar o foco da sacanagem) para deixar a vítima mais assustada. Ele vai tirar a fita e vai se deparar com aquela coisa na porta de casa. E com a foto dele.
Arrepiante, essa é uma que eu não gostaria que fizessem comigo.



Aviso:
De maneira alguma venho com essa aqui querer ofender qualquer tipo de crença ou ideais, a idéia não é proveniente do PdB, agradeço ao Marcelo Camargo que enviou a sugestão. Leve isso como uma brincadeira, pois não estamos atingindo crença alguma (afinal, é uma mistura de símbolos inexistentes) mas sim, buscando de forma não-agressiva, pregar susto em alguém que desconheça como as coisas realmente funcionam e para que serve esse ou aquele tipo de ritual. Caso você se sentiu ofendido, tem críticas ou qualquer coisa para declarar sobre a brincadeira, entre em contato no pudimdebeterraba@gmail.com que irei lhe atender, e o autor disse que está disposto a conversar sem problemas quanto a brincadeira. Caso quiser mandar uma brincadeira, envie para o mesmo e-mail!