sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Fotos de Torcida - Parte 1

Obrigado a todos os leitores que enviaram fotos para esse post. Fui escolhendo as mais nítidas, mais bonitas, mais interessantes, obviamente sem preferência de time, ou coisas do tipo. Se a sua não foi, pode ser que não tenha aparecido na lista de e-mails que procurei com as palavras "fotos torcida", ou eu não gostei mesmo. Ah, e muito legal a participação de tantas garotas.


Denniso Satos Lima - Torcedor do Remo


Cristine Borges - Gremista


Cristine Borges - De novo


Tamara Siemann - emo Botafoguense


Rodrigo Fernandes - Flamenguista



Camila LP - Torcedora do Atlético-PR



Erick Pujol - Torcedor do FLU



Fernanda - Torcedora do Coxa


Felipe Schmitz - Torcedor do FLU



Álvaro Lemos e Vitor rodrigues pimentel - Torcida do Galo


Renzo Furtado Ramos - Torcedor do Mengão


Eduardo Moraes - Torcedor do Colorado



Bárbara Chieregate - Torcedora do Vasco


Nicolle arzua - Torcedora do Coxa


Parte 2 - Logo.

Celular no Avião

Será possível.

TAM anuncia que permitirá uso de celular nos vôos

Fizeram até um avião novo pra promover a novidade. Veja um novo avião da frota.


Vamos torcer para que não caia. As ligações.

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Sporando


Antes de tudo: Pra quem não sabe, SPORE é o novo jogo da Maxis, funciona como o The Sims, porém em vez de controlar uma pessoa, você é "deus". Spore novo fenômeno dos jogos: Lá, cria um ser vivo unicelular, vai evoluindo até se tornar um animal, precisa sobreviver, vira um ser com inteligência rudimentar, até que chega a uma espécie como a nossa. Depois vai a planos além do nosso atual. Ainda não joguei, mas soa ser MUITO interessante. Antes de lançarem o jogo, foi lançado o Criador de Criaturas, onde todo ambientado em 3D, você pode criar um animalzinho de inúmeras formas. Basta ser criativo. Baixei ele e já fiz minhas brincadeiras. Agora, estou fazendo download do jogo mesmo (piratão sim! Se quiser ele, procure por torrents, é a melhor forma), e estou na expectativa de como deve ser.

Aí que tentei fazer a Pókenraba versão Spore. Vejam como ficou:




Linda de morrer.

Faça sua Pókenraba e me mande! Quando tiver bastante, vou compilar a produção de vocês e postar tudo aqui.
Quer conseguir o jogo? Baixei por torrent o Spore Criature Creator, e agora estou baixando o jogo, pegue por lá!

pra onde mandar?
pudimdebeterraba@gmail.com

Coitados...

Coitado do Ludacris, do Antônio Pizzonia, do Franz Beckenbauer. Também coitados de Peter Tosh, Ronnie Petterson, a cidade de Arcoverde, Iburaçu e a separatista Catalunha...

Todos, tiveram dia de nascimento, morte ou de fundação abafados pelo maldito 9-11.

Quem aí está de aniversário hoje?
Complicado?

Fotos de torcida

Sexta-feira postarei as melhores fotos de torcidas enviadas ao PdB. Mas tenho certeza que muitos de vocês ainda tem mais material bom pra me mandar, pois tenho só 40 e-mails aqui com o tema. Envie com o título "fotos da torcida", só até amanhã. Valeu!

invasão corintiana no maracanã em 1976 - bandeiras fazem a diferença

Não entendeu? Veja esse post.

Bitchbuster

Puteiro é coisa do passado, agora o nome mais sofisticado é Locadora de Mulher. Onde vamos parar hein? Mulheres se vendendo/alugando como objeto, cada vez mais ao pé da letra.


Dica do cesinha, meu pai.

Google e o fim do mundo

Pra variar, o google mudou sua página inicial hoje e também entrou na onda do acelerador de partículas.



Dica do allan felipe, lucas kindermman e do caio durigan.

ps: acelerador de partículas é um nome engraçado pra vocês também? pra mim soa e lembra algo de chapolin ou chaves, não sei. Acho que o extrato de energia volátil, ou talvez a buzina paralisadora. Mas me lembra muito mesmo.

People Are Strange

Depois de uma montagem peã dessa, não duvido de mais nada dos internautas. Hahhahaha.

Dica do Zulli, por MSN.


Não entendeu? Que pena...

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Adivinhe...

Sabem o que é isso? Pois acreditem, é uma campainha. Muito criativa, porém muito nerd. Ainda vou ter uma casa cheia de coisinhas desse tipo, deve dar um resultado animal.


Na maçaneta do lado de dentro ta escrito: ESC.

Contagem Regressiva para Bush

Muito bom esse relógio, enviado pela Rafaela Lima. Ele já é sucesso nos eua, pela bronca de uma parte da população que não aguenta mais o presidente. Arrisco dizer que em 2010 veremos o Lula num desses aí.




Genial.

Plágio?

Depois de ser plagiado discaradamente pela Kibon, será que a globo agora também usou o orkut como inspiração?




Acho que não, mas a kibon sim.

terça-feira, 9 de setembro de 2008

Artigos do dia-a-dia

Coisas que não se vê por ai!

A Mariana saiu em Porto Alegre (colono quando se muda pra cidade grande, tem que sair com máquina fotográfica e registrar tudo pra por no álbum do orkut) e encontrou em primeira mão a atualização matemática desse ano, a Tabuada 2008! Não fique de fora e adquira a edição 2008, com todas novidades da tabuada. Confesso que ainda estou desatualizado, a última que adquiri foi a 1993. Como o ano está acabando, vou deixar pra pegar a 2009 logo que sair do forno.


Pensa que é só?
Depois da máfia do DETRAN, a venda continua. Compre sua carteira de motorista, segundo a imagem abaixo.


Interessados nos produtos, ela disse que compra e envia por Sedex sem cobrar nada, por pura bondade, coisa que ela tem de sobra.


Quer fazer o PdB melhor?

Oi, aqui é o Julian.
Tópico de discussão sobre qualidade das minhas postagens no PdB, para você criticar.


Meu método de postagens é assim: Planejo sempre meus posts com 2 ou 3 dias de antecedência. Caso é um post que exija pesquisa, posso ficar desenvolvendo ele por semanas. Montando a pauta da primeira semana de setembro, caí numa questão que nunca havia pensado:
O que meus leitores REALMENTE gostam de ler? Vejo ali estrelinhas, mas não levo fé que isso seja um medidor de rejeição tão preciso como gostaria que fosse.

Pra sanar tal dúvida e tentar melhorar minha forma de interagir com meu público, gostaria que, QUEM QUISER, entre nesses links abaixo e respondam as enquetes que acabei de criar. Se comentar lá não for incômodo, faça-os, pois estará apenas colaborando comigo.

Ressalto que a opinião deve ser dada referente apenas aos meus posts (Julian), em vista que minha forma de postar é totalmente diferente do Bruno, e isso que faz o PdB dinâmico e nunca cansativo e repetitivo.

Seguem as quatro enquetes mágicas:

Enquete 01 - Frequência de visita.
Enquete 02 - Frequência de postagem.
Enquete 03 - O que você gosta.
Enquete 04 - O que você não gosta.


Muito obrigado pela atenção de todos e graças a essas respostas, pretendo fazer um PdB do lado J cada vez melhor. Você pode comentar no próprio espaço das enquetes, para não mostrar seu rosto e descer o pau em mim. Caso preferir, pelo orkut também pode, tanto pela comunidade como pelo meu perfil.

Esse não é o post de hoje. Pela noite eu volto.

Logo das Paraolimpíadas

Ontem estava assistindo uns jogos das paraolimpíadas, e tava muito bom. Era a famosa "bocha", disputada por dois atletas que não tinham bons movimentos que tinham de soltar a bolinha numa espécie de rampa. É um absurdo a técnica dos caras, um coreano e um tailandês, colocavam a bolinha onde queriam, medindo força e distância. Fiquei impressionado. E o brasil está em sétimo colocado no quadro de medalhas, com 3 ouros.

O golgatti do PPD me enviou esse logo que ele criou para as paraolimpíadas. Humor negro? Não acho.


Ficou simpático.

Gas festival - Bad religion

Como de costume, vou comentar sobre mais um show que estive. Bad Religion, no gás festival sábado. Antes de mais nada, quero pedir desculpas para toda a galera que não conseguiu acessar o blog pelo pudimdebeterraba.com.br esses dias. Eu fiquei muito estressado, mas tudo bem, já passou, e também, acontece com todos os sites. Caso aconteça isso outra vez, entrem pelo blogspot, pois ainda não estamos definitivamente instalados no domínio, por conta de alguns atrasos no nosso novo layout, e também por nosso perfeccionismo excessivo, o mesmo ainda não foi 100% definido.

Voltando. Eu não tenho o perfil de quem critica tudo que é feito por grandes empresas e etc. O tipo do cara que reclama de tudo, só pra dar uma de falastrão, mas não posso deixar passar a minha indignação com a comida do evento. Pow, não vou em show pra comer, mas tava em jejum, porque sábado não parei pra nada. Lembro que outro gas festival que fui, era uns lanches naturais saborosos, e práticos, tudo bem que um pouco caro, mas quem está disposto a ir em festivais assim já tem de pensar em tirar a mão do bolso. Esse ano, a sadia, que deve ter feito uma parceria muito mal pensada, pra só vender hot pocket's. Sim, esse negócio congelado e sem gosto que você encontra nos supermercados. Eu estranhei que a fila daquilo tava maior que o normal, e o aglomerado de gente também, enquanto a fila do refrigerante tava tranquila, e pensei: "não é possível que a galera esteja com tanta fome hoje".

E até faz sentido, um evento de 12 horas de duração, a galera querer comer algo leve, prático ou pelo menos ter uma variedade legal. E o pior de tudo né, vender pra um público de 20 ou 30 mil pessoas, uma comida que passa pelo microondas antes de ser entregue ao consumidor. Piada. Eu juro que um amigo demorou mais de 30 minutos pra conseguir seu lanche, num balcão totalmente mal organizado. Por sorte, achei uma outra cabine da sadia, escondida pra caramba, que vendia lanche de peru ou mortadela. Recorri a essa porque sábado eu estava péssimo do estômago pra comer esses congelados, mas ainda assim, me dei mal, o pão de tão duro, deveria ser amanhecido, com certeza, ou seja, comi muito só pra não ficar sem comer mesmo.

(palco totalmente excelente em formato de máquina de refrigerante)


O que falar do Charlie Brown, e do chorão, que se acha o líder de banda mais cool do mundo?
Santo Deus, como é mala. Por sorte eu cheguei na chácara do jóquei já com mais da metade do show deles, porque descobri que ao vivo, esse mala, metido a mano, é pior ainda. Falando em sonhos, vida, skate e etc, acha que é o fodão pra agradar a galera. O legal foi ver seu microfone ser cortado hahahhaha. Isso mesmo. Quando faltava uns 10 minutos pra acabar o show, alguém deve ter avisado pra agilizar e não atrasar as outras programações, e aí o cara começou com seu showzinho particular. "Tão falando que a gente só tem 5 minutos mas queremos tocar mais 5 músicas pra vocês caralho porra. Skate é atitude, é vida, liberdade, não deixe o mar te engolir".

Ok. Pelo menos eu ouvi proibida pra mim, que sempre achei um Hit maneirinho dos caras. Mas aí, depois de proibida pra mim, ele começou com mais discursos, falando que não iam sair e tchurum, cortaram o som do microfone dele ahuhauahu. Aí o bobão, "desafiando o capitalismo" continuou falando, e gesticulando, como se todo mundo estivesse escutando, e a produção, não contente, cortou o telão também ahuhauhuauhauh (que por sinal estava muito nítido, numa ótima altura, perfeito).

Bom, logo após crises de riso, foi hora de ver bob burnquist dando um looping. Achei um pouco forçado ele não conseguir de primeira, porque na primeira tentativa ele caiu de forma estranha, já não tinha o que errar ali.

Na segunda acho que ele não conseguiu mesmo, e só na terceira, acho que pra criar aquela expectativa no povão, ele conseguiu. Todos felizes, e o show da pitty é anunciado. Hora de descer pro outro ambiente mais uma vez onde fiquei até esperar o show do Bad Religion.

Acho totalmente excelente festivais no Brasil. Tim festival, claro que é rock, agora o gas, antes tinha o da SKOL que trazia umas bandas de rock também. Um festival mineiro vai trazer o offspring e por aí vai. É uma boa forma pra galera ver tantas atrações a um preço acessível. 30 reais a meia entrada, e nem pediam carteirinha na hora de entrar, facilitando para os não estudantes que apenas tem um sobrinho que estuda. Fora o fato de ter mais bandas internacionais no Brasil. Foi muito bom o gas ter trazido o bad religion. Por mais que tenha parecido "coca cola estudio, logica zero, bad religion com charlie brown, pitty e strike", está de muito bom tamanho.

O Show:



Greg estava meio desanimado, tocando uma música atrás da outra sem muita conversa e sem o mesmo "brilho" do outro show que vi no credicard hall (o legal de ver uma banda mais de uma vez é isso). Pouco depois de abrir com 21st century digital boy, até chegou a fazer uma brincadeirinha dizendo que tava rolando um show dos scorpions também no mesmo dia aqui em São Paulo, e que nós tinhamos tomado a decisão correta, mas o resto do show foi meio quieto, mas não sei se foi só impressão minha.

Creio que as bandas tem uma sensibilidade quando o público não os conhece tanto, e isso no gas deve ter sido comum por ser festival e pelo público que num geral não conhece tantas músicas da banda. Mas o importante é que estava bonito de acompanhar. Tava aquele clima de festival, tudo aberto, desontraído, com bastante gente, sem muito empurra empurra. Palco mais alto que o normal, deu pra ver a banda sem muito esforço, fiquei perto do palco, e um clima um tanto quanto "amistoso". A roda de bate-cabeça estava muito foda. Estava empolgante de se ver, e caso eu não estivesse me machucado tão feio jogando bola no sábado a tarde, eu teria animado de entrar. Aliás, como foi duro assistir um show como o de sábado, sem movimentar uma das pernas direito. Dica: nunca jogue bola no mesmo dia em que vai ver um show de uma banda punk. A roda tava grande, com aquela agressividade de sempre, mas sem muito doido, tava legal mesmo de ver, parecia algo como o clipe de gotta get away, do offspring.

Como de praxe, tenho de dizer quais músicas valeram o ingresso. E digo sem pensar nem um pouquinho. A walk e punk rock song. Pô, saí indignado da outra vez de não ter ouvido isso ao vivo, mas dessa vez compensou total. Por outro lado, los angeles is burning que eu já tinha ouvido, não tocou, e é com certeza uma das minhas preferidas.

Ainda me impressiono, como a voz de Greg Graffin soa tão bem? É o tipo de banda que você não precisa ser fã pra curtir o show. Basta curtir um bom punk rock, que a noite já está salva.

segunda-feira, 8 de setembro de 2008

PdB no Shopping

Ah, sacanagens... A de hoje foi enviada por dois leitores, que tiveram a idéia parecida, mas com maneiras diferentes. A Lorraine Teixeira mandou a versão Burger King, já o Pedro Maia com os amigos João e Luiz fizeram a versão do cinema. Por meio de praticidade, fiz baseado na idéia da Lorraine, mas a do Cinemark pode ser usada igualzinha.

Vamos lá, bem vindos ao PdB no Shopping!


Evidente que precisa ser num shopping. O vale-prêmio falso estou disponibilizando aqui no blog. O do BK, você pode visualizar aqui. o do Cinemak está em formato .doc. então você pode alterá-lo à vontade. Baixe-o clicando aqui.
Imprima em uma qualidade boa, a melhor que puder. Principalmente o cartão. Quanto mais, melhor, afinal você já deve ter entendido o espírito da sacanagem.
Isso não impede de fazer para outros locais, cate o logotipo da empresa que você quiser usar pelo Google, e monte algum vale-qualquercoisa!


PARTE #01


Na praça de alimentação, encontre mesas vazias nas redondezas seja do BK como do cinema. Mas deixe uma delas, a mais próxima do local onde irão trocar o prêmio, para você sentar, afinal, queremos assistir tudo que acontecer.

PARTE #02



Espalhe... Coloque em locais "estratégicos", que sejam vistos mas não como panfletos de propaganda. Podem ser colocados em encosto da cadeira, colado com uma fita que deixe pendurado na mesa, entre várias outras formas. Que apareçam, mas "não" apareçam. Acho que vocês me entendem.


PARTE #03





Simples! Assista o babaca indo trocar o prêmio e morra de rir da cara dele. Ambos que me mandaram a sugestão fizeram e disseram que foi hilário acompanhar.

Tem uma idéia tipo essa? Me manda!
pudimdebeterraba@gmail.com
tenho várias aqui, só esperando serem postadas, mande a tua também!