terça-feira, 17 de março de 2009

Top 10 bandeiras nacionais mais estranhas

Ah, vexilogia... a grande prática do estudo de bandeiras. Datadas dos tempos medievais para identificar batalhões de guerra (assim, aliados acabavam não se matando sem querer), as bandeiras acabaram sendo adotadas como estandarte de respeito e amor por países, entidades e movimentos.
Nesse Top 10, irei relacionar as dez bandeiras nacionais mais estranhas. Foram considerados pontos fundamentais como a escolha delas o diferencial para o tradicional tipo de estrutura visual de bandeiras, como a utilização de peculiaridades extremas nas mesmas.
Lembro que são somente bandeiras de Estados Nacionais, reconhecidos pela ONU. Se formos fazer de uma visão geral, teria coisa BIZARRA pra aparecer.
Talvez num próximo Top 10, não?
Vamos lá então!

10º Lugar: PARAGUAY

Peraí! Mas a bandeira dos paraguaios é tão... normal! O que tem de bizarro nela? Simples! É uma das únicas bandeiras do mundo em que a frente é diferente das costas! Alguém sonhava isso? Sempre soube que o escudo central é aquela estrela com os ramos ao redor! Mas a novidade é que na parte de trás, existe um leão e o famoso barrete que conhecemos bem da bandeira de Santa Catarina e símbolos argentinos, homenageando a queda da Bastilha, de 1789. Isso faz com que a bandeira paraguaia fique em décimo lugar.

9º Lugar: CHIPRE

De tão comum, chega a ser estranha. A bandeira cipriota é nada mais que o mapa do país sobre o fundo branco, com dois ramos de oliveira abaixo. E só. Uma bandeira tão feijão com arroz que merece o nono lugar.

8º Lugar: CAMBOJA



A bandeira do Camboja tem no centro o Angkor Wat, um dos concorrentes às sete novas maravilhas do mundo (derrotado). O que a faz ser tão diferente, é ter uma construção na bandeira, cheia de linhas e detalhes. O país gira em torno do templo construído no século XII. Passou ano, década e século, e o templo se manteve firme na bandeira.



7º Lugar: SRI LANKA


A pequena ilha ao sul da Índia tem uma bandeira diferente. Pra começo, ela é dividida em duas partes. A verde e laranja e do leão empunhando uma espada. Também é adornada por um contorno dourado entre elas. No mínimo diferente da nossa cultura ocidental, acostumada com listras, escudos heráldicos entre outros. Detalhe pra cara do leão, me lembra Barney Gumble arrotando.



6º Lugar: GRANADA

Granada é um país tão pequeno, que tem área menor que de Erechim, minha cidade. O país caribenho tem uma bandeira normal até. Exceto que por uma vez, quando vi impressa, pensei que tinha um borrão da impressora ali no lado esquerdo. Mas não. É uma folha, e de noz-moscada. Essa falta de simetria e ter ela ali, "jogada" no lado esquerdo, meio que sem sentido, faz Granada ter a sexta bandeira nacional mais estranha.


5º Lugar: SWAZILÂNDIA



A bandeira suazi até que seria normal, caso não fosse o brasão de armas local. Bom, ele representa a insígnia do primeiro batalhão suazi, uma linda homenagem aos que clamaram independência do país frente os bretões. Mas aqui entre nós, parece mais uma bola de futebol americano misturada com o campo em um desenho só. E outra: imagine você na situação de ter que desenhar a bandeira do seu país. Pobres suazis...



4º Lugar: MOÇAMBIQUE


O povo moçambiquenho é nosso amigo, tem colonização portuguesa e tem uma história repleta de dor, na Guerra Civil que assolou o povo por décadas. O que faz estar em quarto lugar é a presença de um FUZIL AK-47 no brasão de armas, que representa a luta armada em defesa do país, o único país a ter uma arma moderna na bandeira. Enquanto uns têm espadas e outras armas, Moçambique vem com o AK-47! Vai encarar?



3º Lugar: NEPAL


O que faz a bandeira de Nepal ser tão diferente é a forma dela. Todos países possuem bandeiras retangulares ou quadriláteras (três deles usam quadrada). Aí vem Nepal com uma figura não-simétrica. A bandeira nepalesa é a união de duas bandeiras triangulares que formaram isso ali em cima. Bonita... mas BEM estranha!

2º Lugar: LÍBIA


Exatamente! A bandeira da Líbia é um retângulo verde. Não há brasão, não há insignia, não há design. Apenas tem a cor do Islã, a religião predominante do país. Imagine que frustrante pras crianças das escolas líbias, quando estão no exercício de colorir a bandeira do seu país. Decepção total.



1º Lugar: TURCOMENISTÃO


Ok, reclamou que tinha frustração pras crianças nas escolas de Trípoli? Ok, vejam a bandeira do Turcomenistão. De longe, a mais estranha do planeta! Por quê? É a mais detalhada do mundo. Aquela faixa vertical na esquerda é uma homenagem a cultura turcomenistã de produzir tapetes. Imagine uma criança ter que pintar essa bandeira ou entender todos detalhes que tem nela. Difícil? Pobre criatura que vai pintar essa bandeira numa parede ou num muro. Aposto que só pinta o bordô e ignora os desenhos internos.



Daqui uns dias, as 10 bandeiras mais estranhas do mundo todo!